paes-doces-1580417980188_v2_900x506

Quando comprar pão doce, prefira os mais simples. Eles são “mais saudáveis”

Nem chocolate, nem sorvete: há momentos em que só um pão doce é capaz de saciar a vontade de colocar um pouco de açúcar na vida. E, ao se deparar com tantas opções no balcão e nas prateleiras da padaria do supermercado, é comum surgirem as dúvidas: “será que comer pães doces ameaça a saúde?” e “dentre todas elas, quais serão as que fazem menos mal?”.

Vamos por partes. Os pães doces não são considerados alimentos saudáveis, mas estão longe de assumir o papel de vilões ou perigos para a saúde —desde que seu consumo não seja um hábito diário e que a pessoa não seja portadora de alguma doença que restrinja o consumo de açúcar, como diabetes ou hipertensão. Curtir uma rosca com coco ralado ou um donnut recheado com geleia de vez em quando pode, sim, ser um agrado para o paladar em dias especiais.

Quanto às opções que fazem menos mal para a saúde, a regra é: quanto mais simples, melhor. Por simples entenda com pouco ou nenhum recheio ou cobertura —e, se houver esses complementos, que sejam com pouco açúcar e com poucas gorduras.

Entenda, a seguir, como escolher os pães doces mais amigáveis à saúde.

Tipos de produtos

Pão de massa doce, sem recheio e sem cobertura

Apenas a massa do pão tem açúcar, pois ele vem sem complemento nenhum. É o menos calórico e prejudicial dos quatro.

Pão de massa doce, sem recheio e com cobertura

Além da massa doce, há algum glacê de açúcar, creme –as duas opções menos saudáveis deste grupo, por causa da alta concentração de açúcar e, no caso dos cremes, também de gordura — ou geleia de frutas –a mais saudável, principalmente se for natural e quando são acrescentados pedaços da fruta ou frutas secas à geleia — sobre o pão.

Só não é mais recomendado que o pão doce simples, mas é uma alternativa melhor para a saúde que o pão que conta apenas com recheio, uma vez que a quantidade de doce necessária para cobrir um pão é menor que aquela para recheá-lo.

Pão de massa doce, com recheio e sem cobertura

Aqui a massa tem açúcar e dentro do pão é acrescentado algum doce –normalmente um creme, doce de leite (as opções menos saudáveis de recheios, devido à alta concentração de açúcar e de gordura saturada), uma mistura de coco ralado com manteiga (que perde pontos devido à gordura saturada da manteiga) ou uma geleia de frutas. Em termos de nutrição, é menos recomendado que o pão que tem apenas cobertura, pois a quantidade de doce para preencher um pão é maior que a necessária para cobri-lo.

Pão de massa doce, com recheio e com cobertura

Este é o kit completo: massa doce, recheio e cobertura dos tipos mencionados anteriormente. Devido ao acúmulo de ingredientes, é o menos saudável dos quatro e deve ser “reservado” para consumo em poucas ocasiões.

Dê preferência aos pães doces com cereais e com frutas

As melhores opções de pães doces feitos na padaria do supermercado são aquelas com farinha de trigo integral em vez da refinada, presença de cereais na massa (aveia e linhaça figuram entre receitas comuns de pães doces) e frutas ou geleias de frutas em vez de cremes no recheio e na cobertura; eles contêm mais fibras e assim, além de gostosos, auxiliam a função intestinal. Cheque na lista de ingredientes –e na observação visual também — e dê preferência a essa “configuração” de receita.

De olho no rótulo

Olho vivo para a ordem dos ingredientes

Os ingredientes são listados de acordo com a sua proporção na receita, ou seja, quanto mais no topo da lista, maior a quantidade utilizada. Pães com açúcar, gorduras e farinha de trigo refinada nas primeiras posições e nesta ordem são os que mais devem ser evitados.

Evite a gordura vegetal hidrogenada

Ainda na lista de ingredientes, veja se consta gordura hidrogenada, que nada mais é que gordura trans com outro nome. Ela é muito usada tanto na massa quanto nos cremes e seu consumo deve ser evitado, uma vez que ela aumenta o LDL (colesterol ruim), diminui o HDL (colesterol bom) e faz subir o risco de AVC e infarto.

Verifique a validade

Por serem produzidos de forma artesanal, os pães doces da padaria do supermercado têm a validade mais curta que a dos industrializados -normalmente entre dois e três dias. Se houver cobertura e/ou recheio, o prazo é mais curto – entre um e dois dias -, e o mais indicado é comprar aqueles feitos no próprio dia.

Informação nutricional

Pão doce com creme de confeiteiro

. Porção: 40 gramas (1 unidade)

. Valor energético: 105 kcal

. Carboidratos: 19,7 g

. Proteínas: 3,24 g

. Gorduras totais: 1,69 g

. Gorduras saturadas: 0,56 g

. Fibras: 0,86 g

. Sódio: 129 mg

 

Fontes: Daniel Magnoni, nutrólogo do Hospital São Luiz Morumbi, presidente do IMeN (Instituto de Metabolismo e Nutrição) e coordenador da área de nutrição da SBC (Sociedade Brasileira de Cardiologia); Debora Delle Molle, nutricionista da BP (A Beneficência Portuguesa de São Paulo); Maria Fernanda Barca, médica doutora em endocrinologia e membro da Sbem (Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia) e da SEE (Sociedade Europeia de Endocrinologia)

 

Acesse o link do Portal UOL – Viva Bem: https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2020/02/03/pao-doce-da-padaria-do-supermercado-quanto-mais-simples-mais-saudavel.htm

Deixe um Comentario

START TYPING AND PRESS ENTER TO SEARCH